Adeus Maria
Abel e Caim

Adeus Maria é chegada a hora
Eu vou embora muito além daqui
Na minha viagem vou levar comigo
O meu castigo de viver sem ti

Mais uma vez o dinheiro vence
Meu amor pertence para quem venceu
Só vou levar nesta longa estrada
A cruz pesada do desprezo teu

Não adianta viver da lembrança
Se a esperança já perdeu a cor
Não sei dizer o que será do mundo
Se o amor profundo não tem mais valor