Orgulhoso
Abel e Caim

Parece até que você não tem sentimento
Para estar assim comigo indiferente
Se você sofre nunca deu demonstração
Como é que pode esquecer tão de repente?
Você levou o nosso caso em brincadeira
Não acredito em sua conformação
Enquanto eu sofro o amargor do nosso adeus
Você sorri pra magoar meu coração

Orgulhosa não sei por que procede assim ?
O seu capricho não tem fim sente feliz com minha dor
Orgulhosa, vou esperar com paciência
Que o tempo o seu orgulho vença e volte para o meu amor

Eu não devia lhe contar meu sofrimento
Pois isso só vai lhe dar satisfação
Seu coração parece ser feito de pedra
Eu nunca vi alguém com tanta opinião
Mas felizmente nessa vida tudo passa
Também a sua indiferença irá passar
Será então momento de voltar pra casa
Em nosso cama está vazio o seu lugar