Chuva de Vento
Amado Batista

Vento que venta lá fora
Leva esta saudade embora
E varre do meu pensamento
Este pesadelo
Chuva que lava a calçada
Lava também minha mágoa
E chora no ouvido dela
Este meu apelo
Vento que viaja o mundo
Tem pena de um vagabundo
Que não se aguenta mais
De tanto sofrimento
Chuva quando for cair
Faz barulho pra ela ouvir
Mas não precisa cair
Uma chuva de vento
Diz pra ela que esse amor é meu
Vai soprando na janela
Cada pingo que cair sou eu
Chorando de saudade dela
Diz pra ela que esse amor é meu
Vai soprando na janela
Cada pingo que cair sou eu
Chorando de saudade dela
Vento que venta lá fora...