Um Pedaço de Mim
Amado Batista

Não há ninguém que possa me compreender
É somente ela
Não há ninguém que possa me satisfazer
É somente ela
Parece que ela enfiou uma espada de aço no meu coração
Fez escorrer o meu sangue, manchou minha alma
E me atirou no chão
Com o meu corpo ferido jogado, esquecido, parecendo animal
O tombo foi igual ao de um soco que me deixou louco e eu não
Voltei ao normal
Ela jogou minha vida pro ar
Ela tirou minha razão de ser
Mesmo assim tenho ódio de mim porque fui lhe perder
Ela não quis o amor que lhe dei
E me deixou nesta situação
Ela arrancou um pedaço de mim
E foi meu coração
Qual foi o erro que eu cometi? Quem sabe é ela
E por que foi também que eu lhe perdi
Quero saber dela
Numa dessa a gente se agarra em tudo que acha
Para não sofrer
Reza, ajoelha e pede olhando pro alto pra Deus socorrer
Vivo procurando a sorte que muitos me dizem que está por aí
Pra ver se vem e não volta a mulher dos meus sonhos que um dia perdi