Bobagem
Angela Rô Rô

Antes de lhe amar devo me amar
Não foi amor que eu lhe dei
Amor não existe para aprisionar
Foi feito para libertar
Bobagem eu querer lhe dizer que as mentiras voaram
E que a dor virou pó
Mentira eu querer lhe enganar que melhor que você
Aprendi a ser só
O amor não machuca nem mata
É que a gente anda a cata, difícil encontrar
Portanto sairei à procura
Descanso ou cura em mim vou achar
Bobagem eu querer lhe enganar que melhor que você
Aprendi a ser só
Por nunca saber dar carinho ser doce e mansa
Me amor deu um nó