Chance de Amar
Angela Rô Rô

Não é por sentir que te quero.
Nem por saber esperar.
Por todas as vezes que antes... foi vacilar.
Sem medo de perdas ou ganhos.
Sem pensar se amar.
Ao longo de todos os anos... valeu tentar.
Apenas a música lenta... tocando dentro de mim.
Lembrando que um sonho de alento... não tem fim.
Não é por pensar em você... como quem quer estudar.
Todas as aulas da vida... sem faltar.
Sem culpa da curiosidade... pois tão pouco te vi.
Ao longo de toda a cidade... ando a sorrir.
Apenas a música lenta... tocando dentro de mim.
Lembrando que todo o tormento... tem um fim.

É por ser tanto que quero... que vou saber esperar.
Por qualquer tipo de afeto... que brotar
Sem medo de perdas ou ganhos.
Sem pensar se amar.
Ao longo de todos os anos... valeu tentar
Apenas a música lenta... tocando dentro de nos.
Lembrando num gesto amigo... não somos sós.
Teu caminho á liberdade... pro meu caminho cruzar.
Aprendi a dar valor... a qualquer chance de amar
A menor chance de amar.
A qualquer chance de amar.