Cobaias de Deus
Angela Rô Rô

Se você quer saber
Como eu me sinto
Vá a um laboratório,
Um labirinto.
Seja atropelado
Por esse trem da morte.
Vá ver as cobaias de Deus,
Andando na rua, pedindo perdão.
Vá a uma igreja qualquer,
Pois lá se desfazem em sermão.

Me sinto uma cobaia,
Um rato enorme.
Nas mãos de Deus, mulher,
Um Deus de saia.
Cagando e andando,
Vou ver o ET...
Viro um cantor de blues
Em outra encarnação.

Nós, as cobaias de Deus.
Nós somos cobaias de Deus.
Nós somos as cobaias de Deus.
Nós, as cobaias.

Me tire dessa jaula, irmão, Não sou macaco.
Desse hospital maquiavélico.
Meu pai e minha mãe,
Eu "tou" com medo.
Porque eles vão deixar
A sorte me levar.
Você vai me ajudar,
Traga a garrafa.
Estou desmilingüido,
Cara de boi lavado.
Traga uma corda, irmão.
Irmão acorda!
Nós as cobaias
Vivemos muito sós.
Por isso Deus tem pena,
E nos põem na cadeia.
E nos faz cantar,
Dentro de uma cadeia.
E nos põem numa clínica,
E nos faz voar.

Nós, as cobaias de Deus.
Nós somos cobaias de Deus.
Nós somos as cobaias de Deus.
Nós, as cobaias.