Mesa de Bar
Aviões do Forró

Já são duas horas da manhã
E o meu celular já esta marcando
O meu pensamento lá em ti
E eu pela rua aqui perambulando

Já te mandei mensagem no meu celular
Você visualiza olha e nem responde
Onde será que você anda agora
Preciso de calmante ou vou enlouquecer

Eu vou tentar me libertar
Nem que seja na mesa de bar
Vou em boteco pra me distrair
Mais não vou deixar você me destruir

Troquei a rede social pela mesa de bar
Rasguei meu sentimento e não vou mais chorar
Que decepção não mata mais ensina
Aprender a superar e dar a volta por cima

Nem que eu deite a cabeça de tanta cerveja
Nem que pare de beber só na próxima sexta
Lembra que o nosso plano era ficarmos bem
Mesmo que eu chore litros
Sofrendo também (também)