Por Um Gole a Mais
Bruno e Marrone

Paguei, eu assumo, eu admito que foi ilusão, errei
Um descuido, um deslize do meu coração, te magoei
Fiz exatamente o que devia pra te ver chorar, e me ver chorar

Não sei, se te imploro de joelhos o perdão ou se te deixo ir
Mas eu vou lutar, te procurar, tentar me redimir
De um erro, uma loucura dessas que a gente faz
Por um gole a mais

Foi nessa hora
Que eu me vi ali sentado feito um bobo e sem reação
E você na minha frente, docemente me estendeu a mão,
E com os olhos cheios da água disse que foi covardia,
O que eu fazia

E foi embora
Foi levando a minha paz o meu sorriso e desapareceu,
Eu não sei mais o que faço dessa vida, já não sou mais eu,
Se tiver um jeito me perdoa, pelo amor de Deus

Não sei, se te imploro de joelhos o perdão ou se te deixo ir
Mas eu vou lutar te procurar, tentar me redimir
De um erro uma loucura dessas que agente faz
Por um gole a mais

Foi nessa hora
Que eu me vi ali sentado feito um bobo e sem reação
E você na minha frente, docemente me estendeu a mão,
E com os olhos cheios da água disse que foi covardia,
O que eu fazia

E foi embora
Foi levando a minha paz o meu sorriso e desapareceu,
Eu não sei mais o que faço dessa vida, já não sou mais eu,
Se tiver um jeito me perdoa, pelo amor de Deus