Telão
Bruno e Marrone

Eu que já bebi em quase
Todos os bares desse mundo
Pra tentar te esquecer
Mas continuo o mesmo vagabundo

Não te esqueci, não, não
Não consegui!

Eu que já sai com quase
Todas as mulheres da cidade
Mas você é a única que
Me faz sentir saudades

Não te esqueci, não, não
Não consegui!

Eu vejo a imagem dela no fundo da garrafa
Se eu não beber ela morre afogada
Então desce mais uma rodada

E pra arrebentar meu coração
Põe a foto dela no telão
Quero que todo mundo veja a cara
Da mulher que eu choro de paixão

E quem tiver sofrendo mais que eu
Levante a mão