Dia de Sorte
Calcinha Preta

Parei meu carro no sinal e ela me deu bola
Vou arrumar um jeito de falar com ela agora
Peguei meu celular, joguei no carro dela
Liguei ela atendeu e eu já tô nos braços dela

Fazendo amor... Ô ô ô
Do jeito que eu imaginei
Lá no sinal quando ela olhou

Dia de sorte pra mim tem que ser natural
Tem que ser perfeito do começo ao final
Eu andando a tôa com o som do carro ligado
Curtindo o forró na veia ninguém fica parado

Eu tô feliz, eu tô legal
Tá faltando alguém pra a alegria ser geral,
Geral, geral....

Parei meu carro no sinal e ela me deu bola
Vou arrumar um jeito de falar com ela agora
Peguei meu celular, joguei no carro dela
Liguei ela atendeu e eu já tô nos braços dela

Fazendo amor... Ô ô ô
Do jeito que eu imaginei
Lá no sinal quando ela olhou