Diferença
Canção & Louvor

Tocando essa viola, batendo esse violão
Cantamos faz alguns anos, louvando ao Deus da criação
Com a viola rasteira, com o violão rojão
Com a boca na poeira, com o joelho no chão
Mas nessa oportunidade eu quero cantar um hino
Quero mostrar a diferença de um crente pobre
Pra um ímpio.

Quando alvorada brota o irmão humilde acorda
E quatro horas da manhã já esta dando glória dentro da roça
Tirando a capoeira pra plantar a macaxeira
E por fim vai cortar o mato pra dar comida ao seu gado
Seu trabalho é forçado mas disso ele não reclama
Sua vida é uma toxa acesa, parece uma fogueira ardendo
Em chamas.

Já quando o dia amanhece o ímpio rico se acorda
Se o trabalho abre de sete e meia ele é o dono chega
De oito horas, se coloca a mão no bolço tira nota de cinquenta
Gasta tudo na noitada se perde na estrada não sabe onde entra
É uma vida atribulada, é uma toxa apagada. Tem muito dinheiro
No bolço se não tem Jesus é um liso sem nada.

Na casa de barro onde mora, o teto de palha cipó
O irmão humilde vive dando glória, com esposa e filhos
Vive essa historia, sua mobila é uma mesa antiga, sua
Cadeira feita de escora coloca o prato na mesa e agradece a Deus
O dia de Vitória, se coloca a mão no bolço tira mato e pedaço
De galho. Não tem dinheiro nenhum, mas se tem Jesus Cristo
É um milionário.

O rico chega do trabalho com raiva e aperreado o agiota ligando
E a esposa gritando do lado, se deita na cama não dorme
Pensa em sua morte, pensa em se matar, mas não dá o braço
A torcer que Jesus tem poder de sua vida mudar, não tem paz
No coração, sua vida é uma tribulação, tem amigos milionários
Se não tem Jesus vive na solidão.

Na batida do violão, no tocar dessa viola eu quero terminar
Esse hino e por fim nessa história, mas a nossa bíblia diz
Que o fim é melhor que o começo, mas para que isso aconteça
Nos temos que pagar o preço. Deixa eu ser esse crente humilde
E chamado de atrasado um dia Jesus me pega e me leva com ele
Pra morar no palácio.