Poderes Desprezíveis
Catedral

Há fuga em mais um presídio
E mortes a troco de nada
Há gente com fome nas ruas
Pessoas desempregadas

Há medo nos olhos do povo
E gestos inconcebíveis
Há ironia na fala
Dos poderes desprezíveis

Enquanto a gente luta pra sobreviver
Quem sabe um dia a gente possa aprender
a recitar o verbo amar, e então crescer
Que Deus nos dê sabedoria pra viver

Há tantas promessas vazias
E vidas desamparadas
Há falsos heróis como exemplos
Há contrabando de armas

Há medo nos olhos do povo
E gestos inconcebíveis
Há ironia na fala
Dos poderes desprezíveis

Enquanto a gente luta pra sobreviver
Quem sabe um dia a gente possa aprender
a recitar o verbo amar, e então crescer
Que Deus nos dê sabedoria pra viver