Espontâneo o Teu Amor
Diante do Trono

Você pode fechar os seus olhos neste lugar e com os olhos do seu coração contemplar aquela montanha aquele lugar onde ele subiu, carregando o peso da minha cruz, da sua cruz, contemple, o que era eu era você éramos nós quem deveríamos estar ali, mas ele levou sobre si, ele levou sobre si, vamos declarar, ele levou sobre si eh eh, ele levou sobre si, contemple isto, ele levou sobre si, jesus, ele levou sobre si, sim, era o meu lugar, era minha dor, era minha culpa, eram os meus pecados, minhas enfermidades minhas maldições, foi a minha divida que ele pagou, adore-o, adore-o, adore-o, adore-o, adore-o, digo senhor,tu és digno senhor, ajuda-nos a contemplar senhor a tua agonia no calvário, ajuda-nos a contemplar o cálice de dor e sofrimento que o senhor bebeu e ainda que nos reste um pouco do teu cálice nesta terra, porque aqui teremos aflições senhor, nada se compara à tua dor, nada se compara o preço que o senhor pagou, nada senhor, a palavra diz que nós não temos um sumo sacerdote que não possa se compadecer de nós, pelo contrário, ele foi tentado em todas as coisas assim como nós, mas sem pecar, ele foi homem de dores e que sabe o que é padecer, jesus conhece a sua dor ele se identificou com você, ele foi o mais rejeitado entre os homens, nele não havia beleza ou formosura e como um de quem os homens escondem o rosto, ele foi desprezado, o castigo que nos traz a paz estava sobre ele e pelas suas pisaduras pelas feridas do seu corpo nós fomos curados. eu quero que você comece a contemplar a sua dor sendo absorvida por jesus cristo na cruz do calvário, se você chegou aqui doente coloque a mão no local da sua enfermidade, se você chegou aqui com um parente um amigo doente erga sua mão e coloque esta vida diante do senhor agora, se é a sua alma que esta ferida, quem sabe ainda no ventre a sua mãe te rejeitou, quem sabe ainda na sua infância você ouviu palavras que diziam ´´eu não te quis´´ assim diz o senhor pode por acaso a mãe que amamenta esquecer-se do filho que mama? todavia ainda que algo de tão difícil aconteça diz o senhor. ´´eu jamais me esquecei de ti´´. ´´se o meu pai e a minha mãe me abandonarem´´. dia o salmista. ´´o senhor me acolherá´´, o senhor me acolherá, eu não sei qual é a sua dor, mas você pode vê-la nos cravos, você pode vê-la no lado rasgado, você pode vê-la nos açoites das suas costas, você pode vê o sangue derramado, foi por você, foi por você e pala sua família, por todas as famílias da terra, para sarar as nossas dores, para quebrar as nossas maldições, e se você entro aqui preso pelo pecado saiba que ali na cruz o senhor destruiu o poder do pecado, ele é o segundo adão, ele é o segundo adão, se pelo primeiro adão entrou o pecado no mundo pelo segundo adão o pecado foi retirado, o aguilhão do pecado foi retirado e hoje nós podemos ser livres, oh! dê um brado de vitória ao senhor! e se você entrou aqui oprimido por satanás eu quero te dizer nesta noite as boas noticias, que o atalaia declarava sobre os montes as boas novas oh! que dizia: ´´sião o teu redentor vem vitorioso. porque ali na cruz jesus despojou a todos... diga todos! todos, principados e potestades e os expôs a vergonha e ao desprezo triunfando deles na cruz! diga aleluia, aleluia, aleluia! sangue precioso, há poder nesse sangue, há poder. se você está doente com a mão na sua enfermidade, se você está intercedendo com a mão erguida por alguém enfermo os demais coloque a mão no coração porque todos nós precisamos, todos nós precisamos do amor demonstrado no calvário deste amor vencedor, vamos clamar por ele.