Nada Pode Me Deter
Diante do Trono

Nada pode me deter
Nada pode mais me segurar
Eu vou, eu vou contigo
Nada pode mais me intimidar
Nada pode mais me abafar
Eu vou, eu vou contigo

Nada pode mais me abafar
Me sufocar, tirar o meu fôlego
Tirar o meu ânimo
Tirar a minha coragem
Nada! Nada! Nada! Nada!

Porque nada
Nada mais vai conseguir roubar
Roubar, Roubar a esperança, a esperança
Em que me glorio nas tribulações
E que elas produzem perseverança
Um caráter aprovado por ti

E a esperança
Elas produzem esperança
Dentro de mim a esperança
Ela não confunde
Porque o amor de deus
Está derramado em mim
O amor de Deus em mim
E nada, nada
Pode me separar deste amor
Pode me separar deste amor
Nada, nada, nada, nada

É pra frente que eu vou
É pra frente que eu vou
É pra frente que eu vou
Estou indo pra frente, eu vou
Não! Eu não sou dos retrocedem
Não! Não! Eu não sou dos que olham para trás
Assim diz o Senhor