Quando Estou No Meu Fim
Diante do Trono

Como abraão quando não podia ter filhos
Foi então que vieste e deste o filho prometido
Como moisés velho e esquecido no deserto
Foi então que o chamaste da sarça ardente

Quando estou no meu fim é que tu começas
Teu poder é aperfeiçoado na minha fraqueza
Sou um vaso de barro e tu és o tesouro no interior
Eu sou frágil, mas existo para o teu louvor

Como gideão deixado com apenas 300 guerreiros
Foi então que teu abocar tocou a vitória
Como davi com 5 pedras do rio
O inimigo foi derrotado com apenas uma pedrada

Quando estou no meu fim é que tu começas
Teu poder é aperfeiçoado na minha fraqueza
Sou um vaso de barro e tu és o tesouro no interior
Eu sou frágil, mas existo para o teu louvor

Tua é a vitória
Teu é o reino e a glória
Existo pra tua glória
Quando eu não posso
Tu podes
Quando eu não sou
Tu és tudo que eu preciso
És tudo que eu preciso