Uma Paixão
Emicida

(Kaion)
Ai, quanto querer cabe em meu coração
Ai, me faz sofrer
Faz que me mata, se não mata, fere

(Emicida)
Esperando Miss Saigon, podo bonsais, bom
Faz tempo que to pra dizer pra você
Com luz e teto-solar no globo ocular
Confuso, abuso da minha mente bipolar
Tu és jazz, som, Duke Ellington, nota 10 ou mais
O encontro de vogais, sublime
Define, deixa eu ser sua ?sex machine?
Sem desarrumar, um, dois, fino trato
Tipo um João Donato
Detalhista às minúcias
Premissas, pronúncias
Perícias, astúcias, delícias, enfim
A pista toca Tio Fresh, sim
Passim, passim, fácim, fácim
Te espero vindo no neon pra mim
Dominando o ar, tipo jasmim (ah!)

(Kaion)
É quando vejo você!
(Estonteante, linda, outra vez)
Que me vem como um sonho bom!
(Deslumbrante, arrasa quarteirão, nossa)
Pois saudade é amar
(Do alto desse salto, é um pecado)
Um passado que não passou
Ai, quanto querer cabe em meu coração
Ai, me faz sofrer
Faz que me mata, se não mata, fere

(DJ Hum)
A luz do dia, a noite me fascina
Quando o sol dorme, a lua que ilumina
O som que comove, tudo se resolve
Toda a beleza e a pureza que te envolve
Beleza, realeza, Kaion, Emicida e DJ Hum, que firmeza
Todos dizem, vejo você, tenho você, eu só quero você

(Kaion)
É quando vejo você!
Que me vem como um sonho bom!
Pois saudade é amar
Um passado que não passou
Ai, quanto querer cabe em meu coração
Ai, me faz sofrer
Faz que me mata, se não mata, fere