Vai Ser Rimando
Emicida

Corre as areias da ampulheta e nada, alem do amor maior
Cada degrau na escada onde eu derramei o meu suor
Avesso as banalidade aonde os moleque se entope
E se não for pra isso então não sei pra que serve o hip hop
Faz mulher tremer pique perva do vem-nenen
Me fez esquecer a fome e botar fé de que eu ia ser alguém
Nego vislumbra ganha a dimensão da treta a responsa
De mudar o mundo com a ponta de uma caneta
Duplo deck varias casset estala tipo coruja
Pela track vara a madruga atrás da rima mais suja
Verdadeiro a provar que não tô omisso
Pra quem é por no radio e dizer: tava faltando isso!
Momento faz a vida, vida faz meus rap
Caso contrario é mentira boiando entre bumbo e clap
No teste, alma, família eu valorizei por aqui
Existe 2 certezas: uma é a morte a outra é que :

Se eu cair vai ser rimando, se eu me levantar vai ser
Rimando, no comando, nunca a mando de ninguém
Observando e batalhando, perdendo, ganhando
E se eu continuar na merda vai ser rimando também (2x)

Os cara cobra: Eai tio, cadê o disco com os rap?
Eu tento explicar que o bagulho é mais que ir pro estúdio da rec
Minhas rima tão na rua, por enquanto é o seguinte
Se não chegou até você é porque não é pra você ser ouvinte

Curto as produça caseira, não as de qualquer jeito
Não sei porque assimilaram o underground ao mal feito

Meus bagulho é de coração demora mais
Pra quando vagabundo ouvir essa porra cair pra tras
Consegui dispor meu sentimento em cada batida
Fazer valer pra quando alguém gritar: barulho pro emicida
Minha vida cada verso dos alegre é o mais triste
Se fosse só cantar eu cantava as que já existe
Quando se pega o mike tem que ter algo a dizer
E o lugar de quem não pensa assim é no karaokê
Acho dahora observar os caras que faz por moda
Isso sempre me mostra o quanto os verdadeiro é foda

Se eu cair vai ser rimando, se eu me levantar vai ser rimando
No comando, nunca a mando de ninguém
Observando e batalhando, perdendo, ganhando
E se eu continuar na merda vai ser rimando também (2x)

'A rua é noiz', mais do que um erro de gramática,
É a frase que sintetiza a brisa do sujo na pratica
A última esperança de quem não crê em mais nada
Vaga sozinho como Itogami na beira da estrada
Liberdade é condicional assistida em todos os nível
Por isso me esforço pra ser o mais livre possível
Se nois cega com um olho os repórter que vem pra aluga
Ano que vem tem 4 loira dançando no nosso lugar
Joga lavagem pros porcos eles comem até explodir
A cota deles é tentar, a nossa era cair
Abraça, que a mídia quer a vitória pra favela
Abraça que as pretas vão ser vistas como bela
Na tela os patrão segrega discrimina e da ânsia
Comprova estereotipo pra afirma a distancia
Diz que idealismo morreu, foda-se quem se vendeu
Sigo assim nem que no fim eu grite a rua sou eu

Se eu cair vai ser rimando, se eu me levantar vai ser rimando
No comando, nunca a mando de ninguém,
Observando e batalhando, perdendo, ganhando,
E se eu continuar na merda vai ser rimando também (2x)