Nossa Paradinha/ Peneira/ O Rodo
Harmonia do Samba

Me dá licença que agora eu vou passar
Me dá licença que agora eu vou passar
Não se aborreça se o meu cavaco chorar
È que o mano Deco ta botando pra quebrar
E me desculpe seu eu empurrei alguém
E me desculpe seu eu empurrei alguém
Não faço nada eu só gosto do meu neném
Não faço nada eu só gosto do meu neném

E levo a vida sempre nessa harmonia
A intenção é te dar sempre alegria
Vivo no mundo sem eira nem beira

Na quebradeira verdadeira, deira, deira
Na quebradeira verdadeira, deira, deira

Mas não importa o que dizem não
Pois tudo isso tem explicação

Isso porque eu sou da Bahia
Isso porque é swingueira do harmonia
Isso porque eu não como nada
E topo qualquer parada

Isso porque eu sou da Bahia
Isso porque é swingueira do harmonia
Isso porque eu não como nada
E topo qualquer parada

Na paradinha
Na paradinha

Swingueira da Bahia

Na paradinha, dinha, dinha, dinha, dinha, dinha.

Na paradinha, dinha, dinha, dinha, dinha, dinha.

Swingueira do Harmonia


PENEIRA

Peneira, Peneira, Vamos peneirar
Eu encontrei Mariazinha na peneira
E convidei para cair na quebradeira
Ela queria era partir meu coração
Quando eu dizia que sim, ela dizia que não.

Me disse não, disse não, que não, que não
Me disse não, disse não, que não, que não
Peneira, Peneira, Peneira, Peneira, Peneira
Peneira, Peneira, Peneira, Peneira

Eu não desisti, continuei a lhe chamar
Mas é que nada,
Só queria peneirar
Me deparei com aquela situação
Quando dizia que sim, ela dizia que não

Eu sei que é carinhosa
Cheia de ternura
Por que me fez essa decepção
Se você me ama
Nunca mais me diga não


O Rodo

Sou da muvuca-ca
Eu sou da Bahia
Eu sou do rodo pá
O swingão que é do harmonia

Sou da muvuca-ca
Eu sou da galera
Eu sou do rodo pá pá
Ninguém se dá, ninguém tolera

O meu swing te atrai
Ninguém se dá, ninguém tolera.
A energia é tão sincera
Deixa o Xanddy todo arrepiado
Começou em Salvador
O Harmonia assim surgiu
E arrastando multidões
O rodo ganhou o Brasil

Pá pá pá pá pode parar
Porque o rodo vai passar

Quando eu mandar é pra jogar
A mãozinha e chacoalhar

Eu vou, eu vou, eu vou, eu vou, eu vou, eu vou.
Eu vou atrás do meu amor
Eu vou, eu vou, eu vou, eu vou, eu vou, eu vou.
É o rodo de Salvador
Pá, pá, pá, pode parar
Porque o rodo vai passar