Bernardinho do Campo
Hinos

Plagas de lindas flores
De belos sonhos e de alegria
Dourado sol em resplendores
Tudo em ti é melodia

Neste recanto, pelo trabalho
Surge do solo o alimento
Tange a bigorna o rude malho
Na oficina em destacado movimento

Ó Bernardino
Honras a ti e ao padroeiro
Que em teu caminho
Venha de Deus o teu cruzeiro

Pelas escolas
Em teu orgulho, cultivam a mente os filho teus
Vivem contentes no estudo
À meiga luz dos beijos mil dos nossos céus

Ó Bernardino
Honras a ti e ao padroeiro
Que, em teu caminho
Venha a Deus o teu cruzeiro