Campina Grande - Pb
Hinos

Venturosa Campina querida,
Ó cidade que amo e venero!
O teu povo o progresso expande,
És na terra o bem que mais quero!
Tuas serras de verde vestidas
Salpicadas com o ouro do sol
Ou com a hóstia dos brancos luares!

Eterno poema
De amor à beleza,
Ó recanto abençoado do Brasil
Onde o Cruzeiro do Sul resplandece
Capital do trabalho e da paz!

Oficina de ilustres varões,
Canaã de leais forasteiros,
És memória de índios valentes
E singelos e alegres tropeiros!
Tua glória revive, Campina,
Na imagem dos homens audazes,
Aguerridos heróis de legendas
Que marcaram as tuas fronteiras!

Eterno poema
De amor à beleza
Ó recanto abençoado do Brasil,
Onde o Cruzeiro do Sul resplandece,
Capital do trabalho e da paz!