Colina - SP
Hinos

Baixadas baixadinhas
Manaciais ribeirinhos
Elevados espraiados
De rica fauna habitados

Sons matinais magistrais
Por corais de aves cantoras
Soam como festivais
Em clima orvalhado da aurora

Lençol verde bordado
Intensamente perfumado
E que matiz caprichado
Da imensidão de flores e que cores
Inspirando poetas e trovadores

Colina de Venâncio conquistador
Do alferez imigrante
Fabri o desbravador
Que exaltamos com louvor

Pitoresca e hospitaleira Colina
És "Shangrila" que fascina
És de convívio adorável
És precioso ninho
E com orgulho incontestável
Felizes somos e estamos
Somos cidade carinho.