Nova Mamoré
Hinos

Tu és bela e onipotente
Com seu encanto varonil;
Terra fértil de águas cristalinas,
Pedacinho do nosso Brasil...

Teus bravos, heróis do sertão,
Lutaram com força e esperança
De tempo dos seringais,
Estão sempre em nossa lembrança

É preciso pisar com amor
Em nossa terra gloriosa
Nova Mamoré, cidade majestosa.
Formosura de grande esplendor

Da antiga estrada de ferro,
Gerou sua população
A nobreza, recursos naturais
Sua riqueza: minérios e animais

Tu és bela, exuberante
Paisagens de densas florestas
Devemos te preservar
Para viver em meio de festas.

Tuas aves que são coloridas
O teu céu Deus pintou cor de anil
És o nosso, torrão amado,
Berço igual assim ninguém viu.