Prata - MG
Hinos

Atingindo o Sertão do Rio da Prata
a gente do Major Eustáquio para
admira a grandeza quase intacta
da região por Deus feita bela e rara.
Das mãos de um bandeirante descuidado
Caiu no rio um machado que faz falta.
Mergulhou n'água todo apavorado,
achou outro brilhando como prata.

Salve, Prata, vergel tão primoroso!
Que Deus nos deu com máximo carinho;
Berço de um povo culto e generoso,
São teu cartão postal, os dois Morrinhos.
Salve, Prata, Princesa do Pontal!
Vais te tornando cada vez maior,
no progresso e na indústria, sem rival,
temos o "Prata cada vez maior".

O Capitão Ramalho edificou
a Senhora do Carmo, a sua Igreja,
E, como Padroeira, ela ficou
De seu filho que luta, ora e peleja.
A capital do leite é conhecida.
Em todo território brasileiro,
Tu és um dom de Deus, terra querida
Orgulho do Triângulo Mineiro.

Tens Município rico e produtor
De grãos e frutas, leite e derivados,
Na Cooprata está todo o valor
Destes teus filhos sempre dedicados
Prata, região farta do Planalto,
Onde se colhe todo leite e mel;
Onde o progresso já falou mais alto,
Onde à gado leiteiro e de plantel.