Registro - SP
Hinos

Oh, Registro! Bela Terra
Às margens do rio plantada
Que aos visitantes descerra
Como pérola engastada.

Nesta serpente de prata
Que coleia pelos campos
Embrenhando-se nas matas
À ninfa dos seus encantos.

Enlevo dos meus amores
Registro, terra querida,
Futuro feito de flores
Das flores da minha vida.

Os filhos de outras plagas
Aqui vivem como irmãos,
Sempre unidos, de mãos dadas
Cultivam e florescem chão.

Amemos todos, crianças
Este céu de encantos mil,
Onde nossas esperanças
Se voltam para o Brasil.

Enlevo dos meus amores
Registro, terra querida,
Futuro feito de flores
Das flores da minha vida