Isaías 53
Igreja Batista da Lagoinha

Não havia nEle beleza ou formosura
Que nos agradasse
Era rejeitado, o mais humilhado
Entre os homens
Homem de dores
Sabe o que é padecer
Desprezado, dEle não fizemos caso.

Ele levou sobre si as nossas dores
Ele levou sobre si as nossas transgressões
E nós olhávamos para Ele
Pensávamos que eram seus próprios pecados
Que o levavam ali
Mas foi por mim e por ti.

Ele foi transpassado
Moído pelas nossas iniqüidades
Oprimido e humilhado
Não abriu a boca, como um cordeiro
Seus castigo nos traz paz
Suas chagas a cura
Por suas pisaduras
Fomos sarados.

Quando derramou sua alma na morte
Fez oferta pelo pecado e se alegrou
Porque Ele nos viu
Somos fruto do seu penoso trabalho
Somos sua porção, sua satisfação.