Babalaô
Jackson do Pandeiro

Babalaô aiê
Babalaô ê a
Bate no surto que eu vou cair no samba
E vou rodando até eu me tonto
Depois de tono eu me deito sobre a areia
Quem me balança são as ondas do mar

A minha vida se resume num balanço
E balançando eu vou até o fim
E se ninguém quiser balançar comigo
Pode deixar que eu balanço sozinho