Tarima
Jackson do Pandeiro

A pedra de Iemanjá já chegou no conga
Are, are, areia
O ritmo já chegou da Aluanda de lá
Are, are, areia

Oh tarima
Tarimaê

Mas que canto é aquele que vem aculá
Are, are, areia
é meu São Benedito que vem me ajudar
Are, are, areia

Oh tarima
Tarimaê

Mas sinhá já chegou é quem vai trabalhar
Are, are, areia
Seu colar de missanga é que vai misturar
Are, are, areia

Oh tarima
Tarimaê

O seu canto é seguro, é no fundo do mar
Are, are, areia
Os poder de Ogun nosso mar vai levar
Are, are, areia

Oh tarima
Tarimaê