A Vaca do Belarmino
Léo Canhoto e Robertinho

Falado:

- Vem comadre, vem comadre!
O nome dessa vaca é comadre. Ela dá vinte litros de leite por dia. A comadre é uma vaca boa, barnaridade.

Cantado:

Meu compadre chama Belarmino ela tem uma vaca valente
Essa vaca se chama comadre, chifra tudo o que vê pela frente;
A comadre vive no curral, é uma vaca do chifre bem fino,
Outro dia ela varou a cerca e chifrou o compadre Belarmino.

Belarmino, cuidado com o chifre
Olha bem o chifre da comadre
Essa vaca dá bastante leite
Mas cuidado com o chifre compadre.
A comadre é uma vaca do chifre bem fino
Olha o chifre compadre Belarmino.
Falado:

Olha o chifre compadre. Essa vaca é danada de boa, sô. Tem muita gente de olho nela, mas o compadre não vende a comadre, não. É a comadre que garante o leitinho das crianças, uia.

Cantado:

Meu compadre, pos canga na vaca, só pra ela ficar no pastinho
Mesmo assim ela pula a cerca, vai comer o capim do vizinho.
Certo dia a comadre foi embora, meu compadre saiu no embalo
Jogou o laço no chifre da comadre e arrastou na chincha do cavalo.

Falado:

Olha o chifre, Belarmino. Vamos correr, que lá vem a comadre.
Olha o chifre da comadre, compadre!