Criolinha
Léo Canhoto e Robertinho

Estou gamado por uma linda pretinha
eu já estou esquentando minha moringa
Seu rosto é preto igual uma jabuticaba
O seu cabelo parece mola de binga

Eu gosto dela que já nem sei o que faço
Ela jurou também de ser somente minha
Tem muita gente contra o nosso namoro
Mas eu não vivo longe dessa criolinha


O Irmão da moça é um sujeito muito bravo
è desses caras que mata pra ver o tombo
ela mandou fazer um reio bem cansado
quer estrear o novo reio no meu lombo

nos dois brigamos rolamos pela calçada
a nossa luta quase que durou um mês
apanhei dele no comecinho da briga
MAs no final eu apanhei outra vez

No outro dia eu fiquei bem resolvido
e fui direto ver a minha escurinha
Eu me casei com ela na mesma semana
Eu sou seu rei ela é minha rainha
ela me adora eu sou louquinho por ela
e nessa base seguimos nosso caminho
O Irmão dela hoje é meu empregado
Mora lá em casa a espera de um sobrinho