Mão de Ferro
Léo Canhoto e Robertinho

Rapaziada lá da roça, por favor, preste atenção
Aqui vai o nosso abraço a vocês todos, meus irmãos!
Lavradores lá do norte e do sul desta nação,
Vocês te a nossa estima e nossa consideração.
Se você é rico ou pobre, não ligue pra isso, não -
Faça o bem e vá em frente com amor no coração!
Não se esqueça que Jesus nas águas do Rio Jordão,
Foi batizado por um pobre que se chamava João!

São José foi carpinteiro, Pedro foi um pescador,
Cristo, sendo rei do mundo, foi um grande pregador -
Na hora da refeição é que devemos dar valor
Ao meu povo lá da roça, ao povo trabalhador!
Grande mestre do universo, atendei-nos por favor
Levai-nos por um caminho, de bondade, paz e amor!
Daí coragem a minha gente, meu poderoso senhor,
Abençoai sempre a família de todo o lavrador!

A pessoa que é da roça eu estive observando,
Não faz feio, não se enrosca no lugar que vai entrando
Sua maneira é conhecida quando ele está chegando,
No rosto de um lavrador, vergonha está sobrando!
Ele sabe muito bem onde ponha seu nariz
Sua humildade é conhecida como o canto da perdiz,
Lavradores desta terra é bem profunda sua raiz
Vocês são a mão de ferro que sustenta este país!