O Bom Jogador
Léo Canhoto e Robertinho

Vamos por as cartas na mesa minha querida
Eis que é chegada a hora certa da partir -
Eu vou sofrer pelo mundo afora no abandono.
Sei que outro amor lhe tirar o sono
E não lhe deixar dormir.

O que é que vale eu viver juntinho da mulher que amo
O que é que vale eu beijar seus lábios a todo momento
Você padece quando me abarca e me corteja
Porque que sei que quando me beija
Esta com outro no pensamento.

Eu sei ganhar, também sei perder, por isso vou embora
O bom jogador perde calado e não reclama
Irei longe meu grande amor e não volto mais
Vou deixar você viver em paz
Nos braços do homem que você ama.

Eu vou partir para sempre, sei que irei sofrer
Não me procure mais porque estou morto pra você
Você vai ficar livre pra sempre vou te dar as costas
Porque sei que é triste viver com quem a gente não gosta.