Súplica
Léo Canhoto e Robertinho

Eu quero que fale baixinho no meu ouvido
Meu eterno amor querido que jamais me deixará;
Quero ouvir você falar, aqui, agora;
Que nunca irá embora, que não me abandonará.

Vou construir um ninho de felicidade
Sem tristeza, sem maldade todo cercado de flor
Pois eu te juro, por tudo que é mais sagrado,
Não sairei do teu lado, meu querido e doce amor.

Quero ouvir pra sempre a sua voz
Olhar os seus olhinhos e beijar os lábios seus
Quero ouvir bater forte seu coração
Apertar a sua mão, ter você nos braços meus

Eu te mo, eu te amo,
Para mim és a coisa mais querida
Eu jamais de você estarei ausente
Quero ter você pra sempre amor de minha vida.