A Última Chance
Lourenço e Lourival

Meu coração está acostumado
A sofrer calado trancado no peito
Sente que é preciso haver uma mudança
Pesar na balança nossas desacertos
Tantas divergências, tantas controvérsias
Vidas submersas num pranto sem fim
Temos que mudar da água pro vinho
Ou ficar sozinhos é melhor assim

A gente perdeu a noção do amor
Amamos por acaso sem muito esperar
O que era um turbilhão em nossos sentimentos
São meros fragmentos perdidos no ar
Partículas de pó que o vento levou
Mas que meu coração não quer acreditar
Ainda há uma porta que por nós espera
Com uma última chance para gente mudar.

Meu coração perdeu a paciência
Por tanta carência e felicidade
Dita suas regras, pois está em disputa
Talvez a nossa última oportunidade
Não há mais saída, nem mais artifícios
Ossos do ofício para quem quer amar
Acho que pra nós desta vez é o bastante
A última chance pra gente mudar