Não Sei Porque Brigamos
Lourenço e Lourival

Até agora eu não sei por que brigamos
Se entre nós um grande amor existe
Estas briguinhas talvez sejam por ciúmes
É um motivo para nos deixar tão tristes

Entre nós dois tem que haver compreensão
Eu já não posso mais viver nesta incerteza
Espero a hora de sorrirmos de alegria
Mas todo dia nós choramos de tristeza

Sei que me ama como te amo querida
Teu coração sempre foi meu doce abrigo
Sei que desejas viver sempre ao meu lado
E eu também quero estar sempre contigo

Se nossos sonhos tornarem realidade
Sei que meus lábios irão sorrir de contente
Nós que choramos tantas vezes sem consolo
Depois juntinhos sorriremos novamente