Natal de Um Homem Pobre
Lourenço e Lourival

Foi no Natal que um pobre homem sem dinheiro
Personagem verdadeiro de uma vida sem vintém
Igual a muitos que hoje sofrem nesse mundo
Com pesares tão profundo, pois na vida nada tem.
E nesse dia viu seus filhos implorando
Um pedindo, outro chorando pro Papai Noel chegar
Ela sabendo que Papai Noel não vinha
Pois dinheiro ele não tinha, então saiu a caminhar.

O pobre homem caminhando pela rua
Já não podia sua mágoa suportar
Por não poder ver seus filhos lhe pedindo
Sem ter dinheiro prum presentinho lhe comprar
Desesperado por ser assim tão pobre
Vendo outro com dinheiro pra esbanjar
Ele magoado para Deus ia falando
Pois só a ele poderia reclamar.

Falado:

- Meu Deus por que eu sou tão pobre
Vejo tanta gente que pode evoluir, progredir, enriquecer.
Afinal, e eu que por mais na luta me empenhe
Nem pra um presentinho tenho nesse dia de Natal.

Cantado:

Essa data que alegra tanta gente
A outros tantos só tristeza pode dar
Enquanto muitos tem Papai Noel em casa
Há quem não pode ver Papai Noel chegar.
Embora iguais levamos vidas diferentes
Uns nascem rico outros pobres afinal
Enquanto muitos passam o natal festejando
Há quem no mundo tira o dia pra chorar.