Nossa Ex-morada
Lourenço e Lourival

Passei em frente a nossa ex-morada
Fiz uma parada em frente ao portão
Vi a roseira que juntos plantamos
E sai chorando de tanta emoção.

Vendo a roseira tão bonita ainda
Nossas horas lindas comecei lembrar
Lembrei que as quatro mãos que a plantaram
Já se separaram, tive que chorar.

Infelizmente tive que chorar
A contemplar nossa ex-morada
Até agora ainda abandonada
A esperar por você e por mim.
Senti um aperto no meu coração
A emoção tomou conta de mim
Revendo a casa e a roseira em flor
Chorei o nosso amor que a tempo teve fim.