Pé de Guerra
Lourenço e Lourival

Eu não quero seu amor só por um dia
Eu quero seu amor por toda vida
Eu sou manhoso, quero ser feliz sozinho
Flor do meu vaso não é pra ser dividida
Por uma rosa eu ponho a mão no espinho
Por uma dona dou a vida combatendo
Chegou a hora, você vai trocar de dono
Quem ganha canta, quem chora sai perdendo!

Se algum caboclo cismas parar meus passos
Ele não sabe aonde vai por o nariz
E o seu fim a sete palmo de fundura
Comendo sempre o capim pela raiz
Um pingo de água eu transforme num riacho
Um desaforo faço virar um duelo
Dum pé de frango sei fazer um bom virado,
De um grão de areia já fiz o meu castelo!

Homem valente já fiz virar medroso
De um carneiro já transformei num leão
De uma guerra eu já fiz o meu brinquedo
Fui empregado e agora virei patrão.
De uma derrota eu parti para a vitória
Uma empregada eu já fiz virar rainha
Uma menina que vivia em outros braços
Virou a cabeça é hoje ela é só minha!