Seu Nome Na Areia
Lourenço e Lourival

Rabisquei seu lindo nome na areia
Desenhei bem juntinho um coração
De repente sem querer até chorei
Em plena praia vi de perto a solidão
O sol secou meu pranto tão sentido
Eu fingi a um sorriso disfarçar
Ao rever nosso barquinho flutuando
Desesperado eu saí a perguntar

Por que, meu Deus, por que eu fui voltar aqui
Pra relembrar de quem há muito me esqueceu
Por que, meu Deus, por que fui voltar aqui
Pra reviver em mim um amor que desmoronou

Até parece ironia do destino
Lá no céu eu vi a mesma andorinha
Quem cantava em dueto com nós dois
Eu dizia ser só seu, você só minha
Eu tomei a sua mão e lhe beijei
Você sorriu, emocionada jurou
Que jamais teria outro alguém
Mas eu não sei por que você não mais voltou