Trepadeira do Vizinho
Lourenço e Lourival

Trepa, trepa trepadeira, sobe mais pode trepar
Aqui tem lugar de sobra pra você se esparramar
Trepadeira de cipó, eu nunca vi coisa igual
Começou trepar no muro e pulou pro meu quintal

Trepadeira do vizinho já subiu pela parede
Invadiu minha varanda, já está na minha rede
Desde que meu bem foi embora a solidão me arrasa
Ainda bem que esta flor veio enfeitar a minha casa

Meu vizinho tá de olho e já anda enciumado
Porque sua trepadeira está passando pro meu lado
Ele vive lhe podando, mas não adianta podar
E quando mais ela poda mais flor bonita ela dá

Ela precisa de poda, de cuidado e de carinho
Mas quem não é bom de poda se machuca nos espinhos
Alguém vive arranhando, mas eu não posso ter dó
Se pra mim ela dá flor, pra ele dá espinho e cipó