Um Minuto de Silêncio
Lourenço e Lourival

Minh'alma silenciou por um minuto
Meus olhos num olhar cheio de dor
Consolam o meu coração de luto
Na morte do meu sonho de amor.

Enquanto o padre está abençoando
Alguém que acabou de se casar
Meus olhos cheios d'água estão velando
Meu sonho que acabou de agonizar

E o povo que asiste o casamento
Não sabe a cruel realidade
Sorrindo assiste o sepultamento
Dos restos da minha felicidade.