Bodocongó
Luiz Gonzaga

Eu fui feliz, lá no Bodocongó,
Com meu barquinho, de um remo só,
Quando era lua, com meu bem, remava atoa,
Ai, ai, ai, que coisa boa,
Lá no meu Bodocongó.

Bodó, bodó, bodó, bodó, congó,
Meu canário verde, meu curió,
Bodó, bodó, bodó, congó, bodó, bodó, congó, bodó,
Bodocondó ai! ai! Campina Grande, eu vivo aqui tão só !

Bodocongó,
Eu vivo aqui tão só !...
Eu vivo aqui tão só !...
Bodocongó.