Marcha do Pintor
Marchinhas de Carnaval

Ela critica o meu trabalho e até debocha,

Eu sou pintor e ganho a vida com a brocha,

Vivo pintando, o que não é nada demais,

É a custa desta brocha, que ela faz o seu cartaz.


Ela critica o meu trabalho e até debocha,

Eu sou pintor e ganho a vida com a brocha,

Vivo pintando, o que não é nada demais,

É a custa desta brocha, que ela faz o seu cartaz.


Se alguém pergunta, como é que eu vou passando,

Ela responde : Está por aí, pintando,

Com os meus amigos, todo o dia, ela me picha,

E eu trepado nas paredes, parecendo lagartixa...