É Carro
Marco Brasil

Tem mulher que quer ir na frente
Mulher que só quer atras
Tem mulher que gosta pouco
Mulher que gosta demais
Mulher que gosta de preto
Mulher que gosta de branco
Mulher que dispensa a cama
Pra fazer amor no banco:

Do carro, do carro
A paixao da mulherada
Nao é homem não é nada
Mulher gosta de carro
Do carro, do carro
A paixao da mulherada
Nao é homen nao é nada
Mulher gosta de carro.

Tem mulher que gosta grande
Mulher que gosta pequeno
Mulher que leva legal
E outra que vive batendo
Tem mulher que gosta limpo
E a que nao tá nem aí
Umas só querem descer
E outras só querem subir:

No carro, no carro
A paixão da mulherada
Nao é homem não é nada
Mulher gosta de carro
No carro, no carro
A paixao da mulherada
Nao é homen nao é nada
Mulher gosta de carro.

Mulher que gosta do mais caro
Outra que quer um baratinho
Tem aquela insatisfeita
Que prefere o do vizinho
Tem aquela sem dinheiro
Que só da pra um velhinho
E a que economiza
Pra ver se dá para um novinho:

É carro, é carro
A paixão da mulherada
Nao é homem não é nada
Mulher gosta de carro
É carro, é carro
A paixao da mulherada
Nao é homen nao é nada
Mulher gosta de carro.

Mulher que gosta do mais caro
Outra que quer um baratinho
Tem aquela insatisfeita
Que prefere o do vizinho
Tem aquela sem dinheiro
Que só da pra um velhinho
E a que economiza
Pra ver se dá para um novinho:

É carro, é carro
A paixão da mulherada
Nao é homem não é nada
Mulher gosta de carro
É carro, é carro
A paixao da mulherada
Nao é homen nao é nada
Mulher gosta de carro.

É carro, é carro
A paixão da mulherada
Nao é homem não é nada
Mulher gosta de carro
É carro, é carro
A paixao da mulherada
Nao é homen nao é nada
Mulher gosta de carro
A paixao da mulherada
Nao é homen nao é nada
Mulher gosta de carro.