Indiferença Em Seu Olhar
Marco Brasil

indiferença é uma arma que mata a gente
Afasta os olhos, esfria o beijo de dois amantes
A indiferença divide a cama e coração
Separa a alma e põe quem ama na solidão
Mas se ainda existe a possiblidade
De misturar nossos cabelos num abraço e recomeçar
Eu quero ter aquele amor dos velhos tempos a qualquer hora
Se não, eu digo adeus neste instante e vou embora

A indiferença está separando a gente
Matando aos poucos quem ama loucamente
Mas nosso amor ainda tem forças pra lutar
Contra essas coisas que só vêm pra machucar

A indiferença no olhar de uma pessoa
Faz tanto estrago, mas o coração perdoa
Estou pedindo pra você me perdoar
Também perdôo a indiferença em seu olhar