Mulher de Peão
Marco Brasil

Você que se amarra em mulher de peão
Sai fora, sai fora
Pode acabar com a corda no pescoço
Ou espetado na roseta da espora

Peão valente não dá trela pra barbado
É sangue bom, é sarado
Dá risada do perigo
Acostumado a pegar
Touro bravo à unha
Quando agarra o bicho urra
E no chão fica estendido
Tome cuidado, você pode estar na mira
De um laço de couro puro
Ou de uma espora afiada
Peão pra defender seu bem, enfrenta o mundo
E pra quem caiu no fogo
Não vai ter medo de brasa

O peão sai de casa pra ganhar o pão
Mas leva sua paixão
Dentro do peito sofrido
Já machucado pela dor de uma saudade
Vai aonde for preciso
Tá sempre pronto pra encarar qualquer parada
Carrega o nome da amada
Gravado em sua fivela
E o gavião que rodeia sua casa
Pode até ficar sem asa
E garanhão sem barbela