Briguinha Sem Razão
Milionário e José Rico

Abandonei o apartamento 37
Para seguir a procura de alguém
Que por motivo de briguinhas sem razão
Que estou sofrendo nesse mundo sem ninguém

Eu sei que a chuva seu rastinho apagou
Mas continuo procurando até o fim
Talvez um dia ela ouça o meu lamento
Ou alguém diz o seu endereço para mim

O apartamento que deixou quando partiste
O mesmo número 25 anunciado
Tudo que tinha dentro dele ainda existe
À tua espera ficará sempre fechado

Estou vivendo de esperança ao desabrigo
Talvez um dia mudará teu pensamento
Eu te prometo nunca mais brigar contigo
Peço que volte pra dar fim meu sofrimento