Amor Nunca Morre
Padre Zezinho

Amor que é amor nunca morre
Me disse um amigo
Pra sempre eu guardei a lembrança
Do que ele falou
E vendo os problemas do mundo
Eu pensava comigo
É gente que errou na procura
E se decepcionou

E sempre que eu me enterrogava
Era a mesma resposta
Amor que é amor nunca morre
Eu tornava a dizer
E em noites sem nuvens
Me vi conteplando as estrelas
E ao vê-lasbrilhar novamente
É que eu pude entender

Amor que é amor nunca morre
Mas pode este de fato se dar
Que as nuvens escuras do tempo
Por tempo sem fim,não o deixem brilhar

Amor que é amor nunca morre
Este amigo repete
Concordo e não vou contestar
Que não tenha razão
Mas penso também que esse amor
Que hoje ganha as manchetes
É mais egoísmo que amor
É loucura, é paixão

E sempre eu vejo
Ao redor essa facilidade
De gente que pede outra chance
Outro amor,outro lar
Eu penso nas flores mirradas
Daqueles canteiros
Que algum jardineiro esqueceu
Ou não quis cultivar

Amor que é amor nunca morre
Mas pode também suceder
Que assim como certas roseiras
Que não se cultiva não chegue a crescer

Amor que é amor nunca morre
Mas pode também suceder
Que a falta de quem o cultive
Ele viva pequeno e não chegue a crescer