Quando Me Chamastes
Padre Zezinho

Quando me chamastes, eu falei que tinhas medo
Quando me enviastes, eu falei que tinhas medo
Medo, meu Senhor de nao corresponder
Me tranqüilizaste ao contar-me teu segredo
Já disse a tantos que nao tivessem medo
Quando tu nos chamas, Chamas pra valer

Vais Chamando sempre e vai dandoos instrumentos
Junto a mil sementes que nos manda semear
Só não vais comigo, se eu temar em ir sozinho
Do vocacionado és a verdade e o caminho

Não abandonas a quen tu chamas
Irás comigo se contigo proseguir
Se for dificio procequir teus passos
Dirás um jeito de conduzir