Febre De Amor
Quatro Fatos

FEBRE DE AMOR
( Sandro Saga)

Que coisa é essa, que mexe comigo?
Que coisa é essa?
Não posso entender!
Você passou com todo o seu jeito que pra mim pode ser
Febre de amor, febre de amor, febre de amor

Todo dia me vejo, vendo você
Passando por mim e gingando demais, procurando sem dó
Com toda malícia, por favor me chamem um doutor
É febre de amor, febre de amor, febre de amor

Teu corpo provoca essa magia de querer tocar
Teus olhos procuram a minha mente vadia só pensa em provar
Você passou com todo o seu jeito que pra mim pode ser
Febre de amor, febre de amor, febre de amor